O que é medição de impacto e qual sua relação com o ESG?

A medição de impacto é um processo contínuo no qual os investidores identificam metas, definem uma estratégia e, em seguida, relatam o progresso no cumprimento desses propósitos.

Os dados sempre desempenharam um papel importante no investimento. Tradicionalmente, os investidores confiam em números obtidos a partir do balanço ou da demonstração de resultados de uma empresa para tomar e analisar decisões. 

Embora essas informações sejam importantes no campo do investimento de impacto, os investidores precisam de medidas adicionais para compreender a eficácia de uma determinada empresa em fazer progresso nas metas.

Independentemente da questão ou da área na qual eles esperam influenciar, os investidores de impacto estão unificados em seu objetivo de avaliar se as empresas estão realmente criando mudanças. E para abordar esse tema, desenvolvemos esse post para você!

O que é medição de impacto?

Bem,  medição de impacto  é o processo de avaliar o quanto de impacto social e ambiental ocorreu e a proporção das ações de uma organização. Junto com a gestão de impacto, a medição é usada por empresas, organizações e investidores sociais para melhor compreender e melhorar seu resultado.

Cada organização gera impacto positivo e negativo por meio de suas operações, compras, práticas de contratação e decisões estratégicas, mas muitas não têm consciência e experiência para identificar esses efeitos.

E, no entanto, os tempos estão mudando. Cada vez mais as empresas estão despertando para as oportunidades reais de se beneficiar do conhecimento e da comunicação do impacto, assim como dos riscos de estarem associadas às causas negativas dos grandes problemas mundiais.

Leia também: Greenwashing: o que é e como evitá-lo

Para obter dados, os investidores procuram várias formas de mensuração, que dependem da área em que estão se concentrando. Os investidores com lentes de gênero, por exemplo, podem olhar para as mudanças na demografia ou nas políticas de uma empresa, enquanto aqueles preocupados com a sustentabilidade ambiental podem estar mais interessados ​​em dados sobre as emissões de carbono. 

Por que a medição de impacto é importante?

Em um mundo que enfrenta uma infinidade de problemas, da mudança climática à desigualdade, o impacto social e ambiental nunca foi tão importante. Agora, mais do que nunca, investidores corporativos, governamentais e filantrópicos buscam um retorno sobre seus investimentos. 

Há um interesse emergente em compras sociais e uma demanda crescente de investidores e clientes investindo e gastando exclusivamente com empresas que se alinham aos seus valores. 

Com a medição do impacto, os investidores rastreiam os resultados dos avanços de seus investimentos para garantir que estão alcançando os retornos financeiros e de impacto desejados.

Quais são os benefícios da medição de impacto?

Medir o impacto é a maneira reconhecida de mostrar o valor que sua organização está entregando aos seus beneficiários e à sociedade como um todo. Aqui estão quatro razões pelas quais medir o impacto é importante.

Mostre que você é bem administrado

O impacto pode ser uma forma de monitoramento de desempenho e, se você estiver incorporando a medição de impacto em sua organização, ela estabelecerá maneiras muito visíveis de considerar o sucesso de uma organização e mostrar o que está cumprindo com seus beneficiários. 

É um sinal para doadores, investidores e beneficiários de que sua organização se preocupa em melhorar sua entrega e está disposta a ser responsabilizada por seu desempenho. Essa transparência aumenta o engajamento de doadores externos e também pode ajudar a motivar funcionários e voluntários à medida em que veem o progresso para o qual estão contribuindo.

Melhor para os beneficiários

Em primeiro lugar, ao medir você ajuda a ver os resultados do seu trabalho. Se você colocou o impacto no centro de seu negócio ou organização, então deseja saber o quão bem-sucedidos são seus programas. Com a medição, você se torna mais direcionado e destaca áreas em que os avanços poderiam criar um impacto social ainda maior.

Atraia investimentos e financiamentos

Se você tem investidores ou conta com financiamento do governo, é fundamental que você possa ilustrar os resultados de seus esforços. Quanto mais impacto você puder mostrar, mais chance terá de financiar projetos ou expansões futuras. 

Uma medição de impacto bem executada dá aos investidores confiança nos retornos financeiros e sociais que podem ser esperados de seu investimento.

Se conecte e se comunique com os clientes

O impacto pode ser um diferenciador crítico entre você e seus concorrentes. As histórias poderosas que surgem de seus avanços, podem ser usadas para promover sua organização. 

Comunicar seu impacto aos clientes fornece um significado mais profundo para suas compras e desenvolve uma conexão que pode permitir o envolvimento de longo prazo e a fidelidade à marca.

Assim, medir seu impacto mostra responsabilidade e transparência, que são vitais em um mundo onde fazer o que fala é mais valorizado do que nunca.

Por onde começar a medir o impacto?

Comece pequeno. Você não precisa medir tudo em toda a sua empresa; em vez disso, encontre um projeto ou programa e comece por aí. Depois que sua equipe ganhar experiência e você encontrar as ferramentas certas para trabalhar, só então crie a medição de impacto em outras áreas de suas operações.

Conheça agora, diferentes maneiras de olhar para a medição de impacto:

Definição de medição de impacto a partir de uma análise contrafactual

Isso significa medir o impacto, fazendo uma comparação entre o que teria acontecido de forma diferente na ausência de um determinado produto e estimando uma relação de causa-efeito. 

Em última análise, dessa maneira se vê o impacto como a extensão em que uma ação tem um efeito específico. 

Avaliação do impacto de uma perspectiva da cadeia de resultados

Sob essa perspectiva, a medição do impacto é vista de uma perspectiva de produtos (os efeitos diretos de uma ação/intervenção) e resultados (mudanças de curto e médio prazo). Nessa visualização, podem ser identificadas diferentes esferas de influência: desde a de controle, até a direta e indireta. 

Medição de impacto, ESG e os objetivos do desenvolvimento sustentável

ESG é um critério usado para avaliar a governança, o social e o ambiental das empresas, e estas se sobrepõem à medição de impacto. Ao ter informações sobre os critérios ESG, os investidores são capazes de identificar empresas que são bem administradas e têm maior probabilidade de representar menos riscos para elas e outras partes interessadas. 

Exemplo de um processo de medição de impacto:

  • Defina a mudança desejada (visão) e como criá-la (missão). A relação causa-efeito torna-se mais óbvia e clara se uma metodologia de teoria da mudança for seguida;
  • Crie seu diagrama de teoria da mudança e entenda quais atividades, recursos, parcerias ou programas precisam ocorrer para tornar sua visão realidade. Para esse processo, concentre-se primeiro em definir a visão de impacto da organização e quais resultados a abrangem;
  • Comece retrocedendo na matriz e defina quais saídas resultarão em seus resultados desejados;
  • Em seguida, defina de quais recursos, parcerias e partes interessadas a organização precisa;
  • Entenda quais das saídas de sua matriz são as mais importantes para medir (levando em consideração seus recursos – ferramentas, tempo, localização) e selecione os melhores indicadores para medir cada saída;
  • Você pode escolher indicadores padrão, permitindo que as partes interessadas comparem melhor o seu impacto com os de outras organizações – já que compartilham os mesmos rótulos;
  • Você pode escolher seus próprios indicadores;
  • Pense nos melhores métodos (de pesquisas à contagem de assinaturas ou presenças) para medir seus indicadores e escolha as métricas que você usará para coletar dados;
  • Revise as informações coletadas em relação aos seus objetivos principais e avalie se os seus dados (que representam de forma qualitativa suas atividades/ações/programas, como uma etapa intermediária para a sua visão de impacto de longo prazo) estão alinhados com o que você deseja criar. 

E por fim, como consequência, revise seu trabalho, reflita sobre o que mais você precisa fazer, o que deve ser mudado e compartilhe os resultados obtidos com o público certo.

Não esqueça também, de continuar melhorando seu modelo e medindo os resultados intermediários que, juntos, permitirão que seus objetivos, visão e impacto desejado, se tornem realidade.

Saiba: Por que ESG é a sigla que orienta os investimentos?

Categorias

SOLUÇÕES INTELIGENTES PARA RESULTADOS TRANSFORMADORES

Transformação digital para negócios que visam alta performance.

Recent Posts

Você conhece a Codex?

Inscreva-se em nossa newsletter

E receba conteúdos exclusivos diretamente
na sua caixa de entrada.